bitcoin

Análise do Bitcoin: Você deve comprar Bitcoins (BTC)?

O Bitcoin é a primeira e maior criptomoeda no mercado de ativos digitais, com mais de 210 bilhões de dólares em capitalização de mercado. O interesse geral no BTC está evidentemente crescendo com um número cada vez maior de endereços de carteiras de Bitcoin ativas e seu preço em ascensão.  Além do mais, Bitcoin é um dos termos mais buscados no Google.

Por que o Bitcoin é tão popular? Ele vale seu investimento? Você deve comprar Bitcoins? Seja se você desejar comprá-lo para que você possa guardá-lo, fazer transações e pagamentos ou se você quiser negociar Bitcoins para lucrar, essa análise do Bitcoin deve ajudá-lo a decidir se você deve comprar Bitcoin.

Você deve investir em Bitcoin em 2020?

Você pode ouvir alguns céticos dizendo que não faz sentido investir no BTC em 2020, já que os dias de aproveitar os ganhos já aconteceu no período antes do grafico Bitcoin alcançar seu valor máximo. O Bitcoin é um ativo volátil, parcialmente por conta do seu valor ser definido pelo desejo dos investidores pagaram certo preço para terem o Bitcoin. A principal ideia por trás do primeiro ativo digital baseado na blockchain era transferir fundos monetários de forma anônima e sem intermediários, como os bancos. Entretanto, com a popularidade crescente desse ativo, junto com uma demanda crescente, o BTC logo se tornou uma ferramenta de lucro, alcançado o valor de $20.000 por um BTC.

Em 2020, traders e investidores ainda conseguem lucrar e ter retornos sobre seus investimentos iniciais, assim como prever, de forma parcial, a trajetória futura do mercado de BTC. A análise dos dados históricos do Bitcoin também indica que a maior criptomoeda está crescendo após cada redução, mesmo que leve meses para os touros baterem e marcarem o resultado da redução. Em 2020, o Bitcoin teve outra redução, que é um dos vários motivos do BTC ainda ser um investimento favorável em 2020.

O que esperar do Bitcoin em 2020?

O grafico Bitcoin ainda está mostrando sinais de subida, já que está entregando retornos positivos em gráficos mensais e anuais, apesar da recente queda da máxima atual de $12.323.  O BTC continua caindo de uma nova máxima anual com rebotes ocasionais de 1-2% diariamente. Ainda assim, a maior criptomoeda agora vale $11.300 no final de agosto de 2020. Os traders e investidores parecem estar esperando para o preço cair mais após esse ponto para começarem a comprar novamente, o que, consequentemente, deve aumentar o preço do BTC no período seguinte.

Espera-se que vejamos mais ganhos nos próximos meses e mesmo com a chegada de 2021, como muitos sugerem, o resultado da redução ainda vai bater e trazer retornos aos investidores. A inflação do dólar americano também parece ser vista como um dos fatores que empurraria o valor do Bitcoin para cima, já que mais dinheiro está sendo impresso. Por outro lado, o Bitcoin tem um suprimento limitado de 21 milhões, o que age contra a inflação junto com as recompensas de mineração do BTC em queda.      …